Sobre a esperança de cada dia.

22 de out de 2015

Imagem

Eu sempre posto sobre diversas filosofias/teorias que crio sobre a vida aqui. Na verdade, não tem nada de criação! São apenas experiências que me ensinaram muito e algumas coisas que vivo diariamente, por isso, sempre tenho que me recordar para que a esperança não se afaste e que a falta dela não crie situações que não estão acontecendo. Quando você esvazia a sua mente, você automaticamente cria um espaço para que as coisas tomem medidas desproporcionais do que realmente são. Uma pequena onda vira um tsunami e em um piscar de olhos, você é engolido.

Nas últimas semanas parece que uma maré de coisas ruins atingiu a minha pequena praia. Por um minuto achei que seria engolida pelo mar, mas foi necessário criar forças para sair dessa zona de conforto. Forças que achei que nunca teria, sabe? Eu falo muito aqui de várias coisas que já aprendi nessa vida, das pequenas batalhas até as grandes, mas essa ninguém me viu lutar.

Dia após dia, noite após noite. Lá estava eu lutando contra a minha própria cabeça. Conheço cada uma das dores que é possível sentir ao deixar sua cabeça seja conduzida pelas situações diárias. " Você tem que ser forte!" foi o que me disseram, " Eu estou tentando!" foi o que respondi. Eu realmente estava tentando. Houve um dia em que abracei a minha cama e ali tive a certeza que ficando quietinha, dentro do meu quarto, sem pensar em nada as coisas poderiam voltar para o lugar. Mas de maneira nenhuma, vencemos um leão por dia.  E deitada na minha cama, eu seria atacada!

Houve dias em que me sentia fraca, mais fraca do que qualquer outra pessoa nesse mundo. Houve dias em que achei que a pressão era tão grande, mas tão grande, que a minha vontade era de chutar o balde e me entregar. Mas bastou uma noite para que tudo mudasse, tudo mesmo.

Já ouviram aquela frase " A cada dia basta o seu próprio mal". Eu realmente nunca havia dado tanta importância. Uma importância que significou cada passo que dei para que as coisas pudessem se acertar. É necessário vencer um dia de cada vez, um passo por vez. Como em um slackline, você não consegue correr, você não consegue andar rápido. Cada passo é pensado, o equilíbrio é essencial. A respiração tem que ser cronometrada e o pensamento fixo no final. Se esse não for um dos reais sentidos disso, agora passou a ser.

Me dei um tempo. Um tempo de mim. Fixei os olhos no monte de onde o meu socorro vem. Levantei um dia, por mais que não quisesse. Dei um passo a frente, por mais que a vontade de recuar fosse muito maior. Respirei fundo, ergui a cabeça e andei. Andei até onde consegui, um passo de cada vez. No outro dia fiz a mesma coisa, no outro, no outro, na semana inteira. Na maioria das vezes pedimos a Deus uma intervenção no meio de tantas coisas ruins, mas é necessário passarmos por diversas situações para que possamos aprender alguma lição, para que possamos ver o quão forte conseguimos ser. As vezes eu não conseguia sentir, mas eu sabia, com todo o meu coração eu sabia que Ele estava ali comigo a cada passo que eu dava.

Se chovia dúvidas, Ele abria o guarda-chuva. Se abrisse uma cratera que pudesse me engolir, com Ele eu conseguia pular.  Como um pequeno pássaro quando quebra suas asas, era assim que eu estava. Foi necessário esperar o tempo certo para tentar voar novamente e mesmo assim foi necessário supervisão pois se eu caísse, eu iria precisar de socorro imediato para retornar a um lugar seguro. Foi necessário paciência para consertar as coisas. Foi necessário vontade para conseguir continuar.

Se eu queria ser isenta de problemas da vida? Em momento algum, porquê são em meios ao problemas que descubro algo novo. Como diz Os Arrais " Somente uma fé que se abalou inabalável é". Andei cambaleando, andei devagar, andei chorando. Mas enfrentei cada uma das batalhas diárias. E no final de tudo isso, quando eu já estava cansada. Em meio a tanta coisa eu consegui ver uma luz no fim do túnel, eu sabia que Ele havia adiantado alguns passos e estava me esperando. Os últimos passos seriam dados por conta própria e na hora que a adversidade apareceu, prendi os cabelos, olhei para ele e pedi licença. Continuei andando e ainda estou andando.

Esse caminho só acaba quando a vida chega ao fim.  Podemos cansar de andar, querer parar, ou ir para a nossa zona de conforto, que no meu caso a intitulo como minha praia. Mas, hoje eu sei, que mesmo quando estiver no mar com águas turbulentas, eu sei que Ele irá caminhar até o meu barco, trazendo as águas tranquilas nas mãos e me fazendo descansar para recuperar as forças e continuar. Nada como um dia após o outro. Nada como vencer um dia de cada vez. Nada como acreditar que em meio as batalhas da vida, eu nunca vou estar só. Mesmo que eu não consiga ver, eu sei que Ele está comigo, não é necessário que ninguém me diga. Eu posso sentir que não estou sozinha nessa vida, mesmo quando eu acho que estou. Nem eu, e nem você. Pois se com fé olhar para o alto você vai enxergar o socorro, receber força e com esperança caminhar, nadar, voar, pular, correr, vencer. Basta querer.

" Se tudo mudou eu abro as velas da embarcação na esperança que pela manhã avistarei o porto onde te encontrarei" Os Arrais
Lolla Camelo

17 comentários:

  1. Não devemos desistir, devemos lutar e não perder a esperança.
    http://retromaggie.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  2. Sabe eu acho que esse momentos por mais ruins que possam ser, eles são necessários porque é deles que vem aquela força que agente nem sabe que tinha!

    Beijão!
    Isa | http://isabellalessa.com/

    ResponderExcluir
  3. Esse ano eu passei por uma montanha-russa de esperança e desespero.. Belo texto! :)
    http://corujasemasas.blogspot.com.br/
    Beijos! <3

    ResponderExcluir
  4. Que texto forte, Lolla! Adorei!
    Eu sempre acredito naquela velha frase "não há nada como um dia após o outro", porque sempre funciona assim pra mim. Num dia parece que tudo vai desmoronar, e no outro as coisas se ajeitam quase que automaticamente. A gente precisa ter muita fé, paciência, força e otimismo pra que tudo de ruim que esteja acontecendo conosco se resolva posteriormente :D

    Com amor,
    Steph • http://naoeberlim.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Obrigado minha querida :D <33

    Adorei o texto, como sempre. Cada dia é uma dádiva e, por muito que aconteça, devemos tirar sempre os aspetos positivos que existem sempre. Parte de nós descobri-los :)

    NEW GET THE LOOK POST | Do You Want a Tea?
    InstagramFacebook Oficial PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D

    ResponderExcluir
  6. Que lindo o seu texto! Realmente aprendemos muito com as dificuldades da vida, fico feliz que esteja melhor.
    Beijos
    Bluebell Bee

    ResponderExcluir
  7. Infelizmente quando a gente para pra pensar na vida aqui nesse plano a gente fica mais desanimado do que esperançoso mas é super importante focar no que há de bom e aproveitar cada dia.
    Beijos
    Infinita Feminice

    ResponderExcluir
  8. É assim que eu vivo. O pior é que quando eu digo "Desisto", na verdade verdadeira mesmo, não desisti :P falo só da boca pra fora, porque sempre to com aquela pontinha de esperança, mesmo sabendo que não vai dar certo, ainda fico naquela expectativa "Vou conseguir", sabe? Gostei da sua teoria do slackline, nunca tinha pensado desse jeito, mas é assim mesmo. Gostei desse texto, me refletiu um pouco nele aí também.

    Beijos!
    www.likeparadise.com.br

    ResponderExcluir
  9. Oi Lolla,
    Vivo um dia de cada vez. O segredo é a gente saber agradecer mesmo no momento difícil, de alguma forma aprenderemos com ele sabe. Aprendi que nada é eterno e tudo tem o seu devido tempo e momento pra durar.
    Bom fds
    Big Beijos
    Lulu on the Sky

    ResponderExcluir
  10. Lolla parabéns pelo texto lindo eu estava super chateada pois perdi uma baita oportunidade da vida por que uma pessoa não cumpriu com a sua palavra e eu me senti enganada sabe arrasada, manipulada, tipo um jogo onde a pessoa me iludiu (eu não precisava dela para essa oportunidade mas ela acabou me fazendo perder tipo uma rasteira para te derrubar e você não consegui ir atrás do seu objetivo) e eu sou do tipo que quando algo me afeta acaba vindo a tona tudo que já passei todas as tristezas e males que já vivi e fiquei muito chateada hoje acordei cedo e fui caminhar olhei pro céu e agradeci a Deus por mais um dia e por toda a beleza que ele fez e faz para me alegrar quando estou triste gosto de ficar sozinha e a minha praia é perto da natureza isso me dá muita tranquilidade me sinto mais próxima de Deus! Estou melhor tudo passa nada como um dia após o outro Lindo texto parabéns bjs
    www.maniasdapatty.com

    ResponderExcluir
  11. Cada experiência é única e faz a gente aprender sempre mais, né? Incrível como a gente amadurece e enxerga as coisas com mais clareza ou se sente mais disposto a entender certas coisas da vida, depois de perrengues sinistros.


    Beijos
    Brilho de Aluguel

    ResponderExcluir
  12. Experiencias são os que nos fazem crescer, sejam elas boas ou ruins, tudo tem um aprendizado, Nós temos que ser forte, por a real ngm se importa com a nossa dor, dizem que sim, mas não.
    Mas eu sou daquelas que sempre acredito que existe um amanha melhor e nunca perco a minha fé, e ela que me poe de de pe.
    STAY STROG.
    bjkas lindona
    www.garotafucada.com.br

    ResponderExcluir
  13. sempre com muita fé que vai dar tudo certo, só não adianta ficar parado. Tem que ir a luta!
    beijos ;*
    arisecondo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  14. Que lindoooooo, meus olhos se encheram de lágrimas lendo seu texto. Parabéns Lolla, me emocionei! <3

    http://heyimwiththeband.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Lindo seu texto!
    Eu também sou do tipo que preciso de um tempo às vezes para mim mesma. São nessas horas que saímos do redemoinho de nossas vidas e reaprendemos a dar um passo de cada vez, como você mesma falou, e viver um dia após o outro. Parabéns pela linda mensagem!
    Beijos
    Marjorie
    Blog Chic & Cheap
    www.marjorietrofa.com.br

    ResponderExcluir
  16. Nunca podemos desistir, temos sempre que lutar e lutar.

    Beijo
    My Life - Vânia Nunes

    ResponderExcluir
  17. Amei, muito inspirador.

    www.grtantenada.blogspot.com

    ResponderExcluir